As epistemologias feministas pensam a ciência para além da ideia moderna de uma
atividade livre de valores. Sandra Harding, filósofa estadunidense da standpoint theory,
reconhecida por seu trabalho de colocar a ciência em perspectiva, isto é, como uma prática,
de início, plena de valores que merece análise e discussão pública é o tema desse
minicurso. Discutiremos sua obra recente que coloca a questão do gênero e da diversidade,
em seus marcadores interseccionais, como fundamentais para pensar sua noção de
objetividade forte. O trabalho de Harding se direciona a um crítica pós-colonial que visa a
defesa de uma ciência feita a partir de baixo, ou seja, uma visão crítica sobre as relações
entre diversas ciências e sociedades. Sua tese, a da objetividade forte, ecoa por diversas
disciplinas e se afirma tanto como uma metodologia, quanto uma epistemologia, filosofia e
sociologia da ciência.

MINISTRANTE

Maria Helena Silva Soares

Professora

Maria Helena Soares é doutoranda em Filosofia pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro, onde também fez sua graduação e mestrado. Sua trajetória acadêmica tem início no pensamento de Gaston Bachelard e a epistemologia histórica francesa. Sua dissertação de mestrado: ?O problema da objetividade em Gaston Bachelard: um estudo acerca da fenomenotécnica e do realismo científico? defendida em 2015, recebeu o prêmio Master 2 da Association Internationale Gaston Bachelard em 2020. Atualmente, pesquisa sobre Natureza e objetividade científica a partir das epistemologias histórica e feministas. Realizou estágio de doutorado sanduíche em Paris X Nanterre sob a orientação da professora Anne- Lise Rey sobre a "naturalização da racionalidade feminina na Modernidade". Participa do grupo de estudos em Ciência, tecnologia e sociedade coordenado pelo seu orientador Antônio Augusto Passos Videira. Editora adjunta da Revista Em Construção: arquivos de epistemologia histórica e estudos de ciência. Também participa dos coletivos Noéli e Filósofas na Rede que são voltados para a produção e divulgação de conhecimento sobre mulheres na filosofia.

Aula 1: Ciência: uma questão de gênero?
Objetivo: Apresentar Harding e as standpoint theories em suas análises a partir do gênero.

Aula 2: Objetividade forte: projeto para uma ciência a partir de baixo
Objetivo: Entender a objetividade forte como uma metodologia útil para uma justiça
epistêmica.