Conceitos básicos de Economia e de Economia Feminista; Divisão sexual do trabalho; Dados desagregados por sexo sobre uso do tempo, salário, escolaridade, licença maternidade e mercado de trabalho ao longo dos anos; Índices de desigualdade de gênero; Impacto da pandemia sobre as mulheres: considerações sobre pobreza e interseccionalidade das desigualdades; O que é cuidado; Crise do cuidado; O papel do estado na economia do cuidado; Cuidado não remunerado; Cuidado remunerado e o trabalho doméstico; O cuidado no Brasil; Trabalho remunerado; Jornada de trabalho; Precarização e desemprego; Reprodução social e sua função no capitalismo; Vulnerabilidades socioeconômicas e seus impactos sobre a geração de renda das mulheres; Acesso à obtenção de rendimentos monetários e ferramentas básicas de finanças pessoais; Efeitos da pandemia na vida das mulheres brasileiras; Política Pública, Social e Fiscal: impactos na desigualdade; Orçamento público x orçamento pessoal; Atual crise e teto de gastos; Gender Budgeting; Covid-19 e reconstrução: há um olhar de gênero?

MINISTRANTE

Ana Luíza Matos de Oliveira

Professora

Professora Visitante FLACSO - Brasil. Professora visitante da Faculdade Latinoamericana de Ciências Sociais (FLACSO). Doutora em Desenvolvimento Econômico (Economia Social e do Trabalho) pela Unicamp, com estágio de pesquisa no Zakir Husain Centre for Educational Studies (Jawaharlal Nehru University, Nova Délhi, Índia) e período sanduíche no Lateinamerika-Institut (LAI), Freie Universität Berlin (Alemanha). Mestra em Desenvolvimento Econômico (Economia Social e do Trabalho) pela Unicamp, com estágio sanduíche na Université de Genève (Suíça). Possui diploma superior em Pensamento Social Latinoamericano e Caribenho (CLACSO). Economista pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), com intercâmbio à Universitat Autònoma de Barcelona (Espanha). Co-editora do WEA Commentaries e integra o membership committee da IAFFE (2020-2021). Áreas de interesse: relações de trabalho; condições de trabalho na saúde e no serviço público; políticas públicas; políticas sociais; austeridade; inclusão na educação superior; pobreza e desigualdade; economia feminista; economia solidária; habilidades para a indústria 4.0; política fiscal; direitos humanos; corrupção; administração pública.

Luísa Cardoso Guedes de Souza

Professora

Pesquisadora de pós-doutorado na EPGE FGV. Doutora em Demografia pela UFMG (2020) com período sanduíche em UC Berkeley (2018-2019). Mestre em Relações internacionais pela PUC-RIO (2015) e bacharel em Ciências Econômicas pela Universidade de Brasília (2012). Já atuou no Senado Federal como assessora parlamentar e como estagiária da área econômica da Consultoria Legislativa. Demógrafa e economista interessada na relação entre identidades individuais e coletivas, pesquisa desigualdades sociais e de gênero, direitos reprodutivos e família.

Lygia Sabbag Fares

Professora

Professora no Brooklyn Institute for Social Research. Doutora em Economia do Desenvolvimento: Economia Social e do Trabalho pela Universidade de Campinas (UNICAMP) (Brasil), pesquisadora visitante na York University (Canadá). Tese sobre Trabalho e Economia Feminista. Mestre em Políticas do Trabalho e Globalização pela Universidade Kassel (Alemanha), especialização em Economia do Trabalho (UNICAMP) e bacharel em Relações Internacionais (UNIBERO). Organizadora do grupo de Gênero do Young Scholars Initiative (YSI) - Institute for New Economic Thinking. Membro de um grupo multidisciplinar de pesquisa em estudos de desenvolvimento da Universidade de São Paulo, e representante do Comitê de Jovens Acadêmicas da International Association for Feminist Economics (IAFFE). Interesses acadêmicos: Desenvolvimento Econômico, Economia do Trabalho, Economia Feminista, Economia Política, Macroeconomia, Economia Brasileira.

Margarita Olivera

Professora

Professora Adjunta no Instituto de Economia da UFRJ, desde 2015. Ministra as disciplinas: "Economia e Feminismos", "Desenvolvimento Sócio-Econômico" e "Experiências de Desenvolvimento Comparadas". Em 2018 criou o projeto de extensão ?Economia e Feminismos? e desde 2020 é coordenadora do Núcleo de Estudos e Pesquisas de Economia e Feminismos, NuEFem/IE/UFRJ. Margarita é doutora em Economia Política pela Universidade La Sapienza de Roma, Itália (2009) e tem graduação em Economia pela UBA, Argentina (2003). Entre 2011 e 2014 foi Pesquisadora de Pós-doutorado e Professora nos mestrados de Desenvolvimento Econômico e de Cooperação Internacional, ambos da Universidad General San Martín, Argentina. Os seus interesses de pesquisa são: economia feminista, desenvolvimento econômico, teoria decolonial e integração regional e geopolítica em América Latina.

Patricia Andrade de Oliveira e Silva

Professora

Doutora em Desenvolvimento Econômico pela Unicamp. Professora do Núcleo de Negócios e Relações Internacionais na Universidade Anhembi Morumbi, organizadora do grupo sobre Desigualdade da Young Scholar Initiative, participante do grupo de pesquisa do Laboratório Interdisciplinar do Instituto de Estudos Brasileiros LABIEB-USP e realiza divulgação científica em Economia no perfil do instagram econo.base. Foi pesquisadora de Pós-Doutorado do Instituto de Economia e Relações Internacionais na UFU, realizou consultoria para a Organização das Nações Unidas para a Alimentação e Agricultura (FAO/Brasil) e foi pesquisadora bolsista no Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA). Economista pela PUC-Campinas, Doutora e Mestre em Desenvolvimento Econômico, Espaço e Meio Ambiente pela UNICAMP, com Doutoramento sanduíche pela George Mason University. Áreas de interesse: desenvolvimento socioeconômico; políticas públicas e sociais; pobreza e desigualdade; cooperação internacional para o desenvolvimento e economia feminista.

Aula 1 | 14/01/22 : Desigualdades - O que a economia feminista e os dados sobre as desigualdades de gênero nos contam?

Professora Doutora Luísa Cardoso Guedes de Souza

Pensadora: Valéria Esquivel

Ementa da aula:

  • Conceitos básicos de Economia e de Economia Feminista;

  • Divisão sexual do trabalho;

  • Dados desagregados por sexo sobre uso do tempo, salário, escolaridade, licença maternidade e mercado de trabalho ao longo dos anos;

  • Índices de desigualdade de gênero;

  • Impacto da pandemia sobre as mulheres: considerações sobre pobreza e interseccionalidade das desigualdades.

Objetivos da aula: 

  • Introduzir os conceitos da economia feminista e os principais debates do campo para delinear o escopo geral do curso;

  • Apresentar os temas centrais da economia feminista e criar as bases para as discussões das próximas aulas;

  • Analisar quantitativamente as desigualdades de gênero ao longo do tempo;

  • Discutir os efeitos de gênero da Covid-19 e a importância da economia feminista no contexto de pandemia.  

CURRÍCULO LATTES LUÍSA DE SOUZA

Aula 2 | 21/01/22: Políticas públicas - Como a questão de gênero pode orientar a política pública? 

Professora Doutora Ana Luíza Matos de Oliveira

Pensadora: Jayati Ghosh

Ementa da aula:

  • Política Pública, Social e Fiscal: impactos na desigualdade;

  • Orçamento público x orçamento pessoal;

  • Atual crise e teto de gastos;

  • Gender Budgeting;

  • Covid-19 e reconstrução: há um olhar de gênero?

Objetivos da aula: 

  • Apresentar as possibilidades de redução da desigualdade de gênero a partir da política pública; 

  • Diferenciar o orçamento público de orçamento pessoal; 

  • Discutir se/como o gênero é incorporado hoje na política fiscal brasileira.

CURRÍCULO LATTES ANA LUÍZA DE OLIVEIRA

Aula 3 | 28/01/22: Cuidado - Como colocar o cuidado no centro do debate econômico?

Professora Doutora Margarita Olivera

Pensadora: Hildete Pereira de Melo

 Ementa da aula:

  • O que é cuidado

  • Quem cuida

  • Crise do cuidado

  • O papel do estado na economia do cuidado

  • Cuidado não remunerado

  • Cuidado remunerado e o trabalho doméstico

  • O cuidado no Brasil  

 

Objetivos da aula: 

Geral: 

  • Familiarizar os alunos com as discussões acerca da economia do cuidado.

Específicos:

  • Expor definições e distinções na economia do cuidado. Quais atividades fazem parte do cuidado, quais as diferenças entre cuidado direto e indireto, remunerado e não remunerado, contabilizado ou não contabilizado?

  • Mostrar dados da provisão de cuidados no mundo e discutir a desigualdade de gênero no trabalho não remunerado

  • Apresentar dados para o Brasil com foco nas desigualdades de gênero e raça observadas bem como motivar uma discussão crítica a respeito da situação do emprego doméstico.

  • Discutir o papel do Estado na provisão dos cuidados.

CURRÍCULO LATTES MARGARITA OLIVEIRA

Aula 4 | 04/02/22: Trabalho - Qual o papel da mulher no capitalismo? 

Professora Doutora Lygia Sabbag Fares

Pensadora: Tithi Bhattacharya e Heleieth Saffioti

Ementa da aula:

  • Trabalho remunerado;
  • Jornada de Trabalho;
  • Precarização;
  • Desemprego;
  • Trabalho reprodutivo não remunerado - reprodução social;
  • Função no capitalismo - reduzir o custo do salário, reduzir o desemprego formal.

 

Objetivos da aula:

Debater o trabalho produtivo e reprodutivo, pago e não pago na visão da economia feminista e teoria da reprodução social e sua função no capitalismo.

CURRÍCULO LATES LYGIA SABBAG

 

Aula 5 | 11/02/22: Renda - Qual a relação entre autonomia financeira e feminismo?

Professora Doutora Patrícia Andrade de Oliveira e Silva

Pensadora: Cristina Carrasco

 Ementa da aula:

  • Vulnerabilidades socioeconômicas e seus impactos sobre a geração de renda das mulheres
  • Relação de gênero e divisão sexual do trabalho;
  • Economia do cuidado e sobrecarga de trabalho não remunerado;
  • Acesso à obtenção de rendimentos monetários e ferramentas básicas de finanças pessoais;
  • A importância do acesso à obtenção de rendimentos monetários;
  • A organização do fluxo de caixa;
  • Os empréstimos e os juros compostos;
  • Efeitos da pandemia na vida das mulheres brasileiras
  • Como as desigualdades de gênero particularizam os efeitos da pandemia no país?;

Objetivos da aula:

Debater como a vulnerabilidade socioeconômica de mulheres causa prejuízos para geração de renda e independência. Apresentar ferramentas básicas de controle do dinheiro, tais como: fluxo de caixa, empréstimos e os  juros compostos. Demonstrar como a pandemia do novo coronavírus gera efeitos amplificados sobre os rendimentos das mulheres devido às desigualdades de gênero. 

CURRÍCULO LATTES PATRICIA ANDRADE