A continuação deste curso de Aperfeiçoamento em uma II Edição parte da constatação de que há uma grande lacuna de acesso ao conhecimento nas áreas de ciências humanas a respeito das leituras críticas em gênero, nos feminismos, bem como na valorização desses conhecimentos e pesquisas produzidos por mulheres. Também da vontade de cursistas que fizeram parte do Aperfeiçoamento I Edição em continuar seus estudos de forma sistemática e disciplinada. 

Conquanto os diversos feminismos tenham contribuído de variadas formas na conquista de direitos e reconhecimento social, político e econômico das mulheres, desde a segunda metade do século XX, estas análises permanecem pouco difundidas e pouco ancoradas e reconhecidas pelas humanidades. E, portanto, são pouco eficazes na promoção da equidade de gênero na Universidade, Escolas, e espaços públicos em especial na Filosofia como área de conhecimento. A lacuna é ainda maior no que diz respeito à inserção de mulheres nos cursos de graduação, pós-graduação e em aprovações em concursos públicos em todas as áreas. 

A proposta da continuidade em sua concepção teórico-prática-didática porque associa os fundamentos teóricos das abordagens feministas na filosofia, supre a carência de cursos em filosofia feminista nessa área no país, bem como oferta um curso que pretende ser 100% EaD reunindo as maiores especialistas e corpo docente do país. O curso compreende oito módulos de grande relevância para a filosofia e para os estudos feministas.

E nessa edição teremos dois seminários integradores. Os Seminários  terão como principal foco o enriquecimento curricular, por meio do desenvolvimento e da participação em seminários e estudos curriculares, atividades práticas que visam propiciar às estudantes vivências, nas mais diferentes áreas do campo educacional e por fim atividades de comunicação e expressão cultural.

 

 

MINISTRANTE

Alice Fátima Martins

Professora

Doutora em Sociologia, Mestre em Educação, Licenciada em Artes Visuais. Professora Titular na Universidade Federal de Goiás, no curso de Licenciatura em Artes Visuais e no Programa de Pós-Graduação em Arte e Cultura Visual. Bolsista de produtividade em pesquisa pelo CNPq. Sendo professora, aprende mais do que ensina. Sendo pesquisadora, desaprende o que antes acreditava saber.

Bárbara Flores

Professora

Mãe da Rhara, Cainã e Kauai; Pertencente ao povo Borum-Kren (remanescentes botocudos - indígenas do tronco Macro-Jê da região dos Inconfidentes/ MG) e descendente Maxacali - é dançarina, professora, pesquisadora e escritora, graduada em Turismo - PUC-Minas; especialista em Educação Ambiental e Sustentabilidade - Faculdade Metropolitana/ BH - MG; Mestre e Doutora em Desenvolvimento e Meio Ambiente - UESC/ Ilhéus - BA; Membra Fundadora das Wayrakunas - Rede ancestral-filosófica, que se vincula à reflexão da resistência das indígenas mulheres no Brasil; Associação Multiétnica Wyka Kwara - GT Bem-Viver; Articulação Brasileira pela Economia de Francisco e Clara - Vila de Agricultura e Justiça. Autora dos livros: Filhos Melhores para o Mundo: por uma educação ambiental de berço; e, Ecofeminismo e Sustentabilidade Ambiental: uma análise a partir da organização social de comunidades indígenas e ecovilas.

Carolina Bezerra de Souza

Professora

Dra. Carolina Bezerra de Souza é professora de Novo Testamento e Teologia Feminista na Faculdades EST. Pós-doutora em Teologia Bíblica Feminista pela Faculdades EST, doutora e mestra em Ciências da Religião pela PUC Goiás, bacharela em teologia pelo STBSB, Engenheira Eletricista pela UnB.

Gisele Rose

Professora

Mestre em Relações Étnico-Raciais. Especialista em Energia e Sociedade no Capitalismo Contemporâneo. Graduada em Filosofia. Filósofa, pesquisadora, escritora. Membro da Associação Brasileira de Pesquisadores Negros (ABPN). Atualmente, trabalha como professora de filosofia na SEEDUC-RJ.

Iasmim Martins

Professora

Psicanalista, doutora em Filosofia (PUC-Rio), graduada e mestre em Filosofia (UFRRJ). Profa. convidada da PUC-Rio (no curso de Pós-graduação em Filosofia Contemporânea) e dos cursos de MBA da FGV. Também é profa. substituta do Colégio Pedro II e profa e profa. de Filosofia na SEEDUC-RJ. Atualmente cursa estágio pós-doutoral em Filosofia na UFRJ, tendo como pesquisa a caça às bruxas e a crise ambiental, a partir das obras de Silvia Federici e de algumas teóricas ecofeministas. Interessada em pensar também a relação entre mulheres, Filosofia e Psicanálise. Membro do laboratório Filosofias do Tempo do Agora e dos GTs: Filosofia e Gênero, Mulheres na História da Filosofia e Filosofia e Psicanálise.

Maria Helena Silva Soares

Professora

Maria Helena Soares é doutora em Filosofia pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (2021), onde também fez sua graduação (2012) e mestrado (2015). Sua trajetória acadêmica tem início com o pensamento de Gaston Bachelard e a epistemologia histórica francesa. Sua dissertação de mestrado: O problema da objetividade em Gaston Bachelard: um estudo acerca da fenomenotécnica e do realismo científico, defendida em 2015, recebeu o prêmio Master 2 da Association Internationale Gaston Bachelard, em 2020. Realizou estágio de doutorado sanduíche em Paris X Nanterre entre 2019 e 2020. É editora adjunta da Revista Em Construção: arquivos de epistemologia histórica e estudos de ciência. Seus interesses de pesquisas se concentram nas áreas de filosofia da ciência e nas epistemologias histórica e feministas. Atualmente, é professora substituta de Filosofia do IFRN - Mossoró.

Rita de Cássia Machado

Professora

Professora de Filosofia na Universidade do Estado do Amazonas (UEA), no campus Tefé, é vice-coordenadora do Programa de Pós Graduação em Educação da UEA. É pesquisadora associada ao GT Filosofia e Gênero da ANPOF (Associação Brasileira de Pós-Graduação em Filosofia), do qual é integrante do núcleo estruturante. Também é membro da Rede Brasileira de Mulheres Filósofas. Tem diversas produções nos Estudos Feministas, na Filosofia Feminista e Mulheres.

DISCIPLINA 01: ESTÉTICA, MULHERES E AS ARTES .

Professora: Dra. Alice Fátima (Currículo Lattes)

Dias: 09, 11, 12, 16, 18 e 19 de março

Horário: Quartas e Sextas-feiras das 18:00h às 20:30h e sábados das 8:30h às 11:00h

EMENTA DA DISCIPLINA:

O bloco Estética, Mulheres e as artes estará organizado a partir de uma discussão inicial a crítica da formação de uma perspectiva estética, artística e filosófica engendrada em territórios masculinos, buscando sinalizar caminhos possíveis para pensar tais questões a partir de referenciais femininos. Nessa direção, será discutido o texto de Linda Nochlin, no qual pergunta porque não houve grandes artistas mulheres na história da arte. São discutidas algumas referências às obras de Safo de Lesbos, Mary Shelley e Margareth Atwood. Seguem-se os encontros organizados a partir de linguagens artísticas e as obras de algumas mulheres, buscando estabelecer as relações entre os contextos europeu, latino-americano e brasileiro: artes visuais, cinema, dança, teatro, música, histórias em quadrinho, fotografia e outras artesanias.

 

DISCIPLINA 02: FILOSOFIA, PSICANÁLISE E MULHERES.

Professora Dra. Iasmin Martins (Currículo Lattes)

Dias: 01, 02, 08, 09, 22 e 23 de abril

Horário: Sextas-feiras das 18:00h às 20:30h e sábados das 8:30h às 11:00h

EMENTA:

A presente disciplina pretender debater conceitos fundamentais da psicanálise freudiana e lacaniana acerca do tema: mulheres e feminilidade a partir da perspectiva crítica de filósofas, teóricas da psicanálise e psicanalistas, com o intuito de problematizar alguns conceitos psicanalíticos e discutir questões como: gênero, raça e colonialidade e, desse modo, pensar com, contra e para além da psicanálise. Para isso, recorreremos a autoras (es) tais como: Freud, Lacan, Butler, Preciado, Drucilla Cornell, Lélia Gonzalez, Silvia Alexim, Maria Rita Kehl, entre outras (es). 

 

DISCIPLINA 03: EPISTEMOLOGIA DE PENSADORAS NEGRAS

Professora Me Gisele Rose (Currículo Lattes)

Dias: 06, 07, 13, 14, 20 e 21 de maio

Horário: Sextas-feiras das 18:00h às 20:30h e sábados das 8:30h às 11:00h

EMENTA

A Epistemologia não se constitui como uma disciplina filosófica, mas sim, é um modo de lidar com um problema filosófico. Por isso, a Epistemologia é considerada como a ciência do conhecimento, que investiga a realidade das coisas. Partindo desta perspectiva e das multiplicidades e complexidades do que podemos chamar do ‘ Evento Racial’, o curso tem como cerne pensar e debater as relações e vicissitudes entre Raça e Gênero a partir de uma proposta epistemológica pensada por pensadoras negras, tendo no que se convencionou chamar de “raça” a espinha dorsal. Assim, Racismo e Sexismo constituem linhas que costuram as reflexões e provocações apresentadas. 

O curso se propõe a abordar pensadoras negras que, agregam reflexões sobre de gênero em contextos afro-diaspóricos promovendo debates e desafios contemporâneos sobre ‘Raça e Gênero’ privilegiando as discussões e apontamentos das pensadoras: Azoilda Loretto da Trindade, Sobonfu Somé e Oyèrónké Oy?wùmí.

 

SEMINÁRIO DE INTEGRAÇÃO I

Professora Dra. Rita de Cássia Fraga Machado (Currículo Lattes)

Dias: 17 e 18 de junho

Horário: Sextas-feiras das 18:00h às 20:30h e sábados das 8:30h às 11:00h

 

DISCIPLINA 04: FEMINISMOS NA TEOLOGIA E NOS ESTUDOS DE RELIGIÃO

Professora Dra. Carolina Bezerra (Currículo Lattes)

Dias: 02, 03, 09, 10, 16 e 17 de setembro

Horário: Sextas-feiras das 18:00h às 20:30h e sábados das 8:30h às 11:00h

EMENTA:

Fazer conhecer o desenvolvimento feminista no campo da teologia e dos estudos da religião, as principais temáticas abordadas por teólogas feministas e da libertação, como abordam as interseccionalidades e quais são as suas ferramentas conceituais e práticas, fazendo conexões possíveis com os movimentos sociais e a educação popular.

Metodologia das aulas: Aula expositiva, debates, utilização de recursos digitais como slides, trechos de vídeos e música, lousa interativa, leitura e interpretação de texto, etc.

 

DISCIPLINA 05: EPISTEMOLOGIAS FEMINISTAS INDÍGENAS

Professora Dra. Bárbara Flores (Currículo Lattes)

Dias: 07, 08, 14, 15, 21 e 22 de outubro

Horário: Sextas-feiras das 18:00h às 20:30h e sábados das 8:30h às 11:00h

EMENTA:

O objetivo desta disciplina é pensar sobre o impacto da invisibilização sistemática e naturalizada pelo androcentrismo eurocêntrico acadêmico versus os caminhos do crescente fortalecimento das epistemologias feministas, com destaque aqui para o campo das lutas das indígenas mulheres. Como, à partir de nossos lugares enquanto indígenas mulheres, os efeitos da colonização se deram em nossos corpos, assim como, nossas experiências de vida e de produção de conhecimento sobre as trajetórias de vida pessoais, dos povos e das lideranças indígenas mulheres, bem como das divindades femininas, igualmente fortaleceram epistemologias decoloniais que se pautam por cosmologias indígenas e conhecimentos diversos de resistência histórica de enfrentamento às matrizes de desigualdades, tais quais o racismo, o etnocídio e o sexismo. 

 

DISCIPLINA 06: EPISTEMOLOGIAS FEMINISTAS

Professora Dra. Maria Helena Soares (Currículo Lattes)

Dias: 04, 05, 11, 12, 18 e 19 de novembro

Horário: Sextas-feiras das 18:00h às 20:30h e sábados das 8:30h às 11:00h

EMENTA

Neste módulo percorreremos as epistemologias feministas a partir de três eixos temáticos: 1-instabilidade das categorias e parcialidade do conhecimento; 2- autoridade epistêmica e epistemicídio; e 3- gênero e ensino, ciência e diferença. Para isso, mobilizaremos pensadoras e pensadores que contribuíram de forma significativa para a composição e transformação daquilo que entendemos por epistemologia. Nosso objetivo é o de apresentar, a partir de uma abordagem temática, a heterogeneidade característica das epistemologias feministas passando por diferentes agentes e localizações. Nossa bibliografia caminha entre o Norte e o Sul Global em uma investigação acerca das metodologias e valores alternativos que diferenciam as diversas epistemologias feministas da tradição. Esperamos, com isso, dar a ver uma amplitude no diálogo e nas pesquisas feministas sobre ciência e conhecimento hoje.

 

SEMINÁRIO DE INTEGRAÇÃO II

Professora Dra. Rita de Cássia Fraga Machado (Currículo Lattes)

Dias: 09 e 10 de dezembro

Horário: Sextas-feiras das 18:00h às 20:30h e sábados das 8:30h às 11:00h