Um ano dedicado à formação intelectual democrática de mulheres

02/06/2021

No mês de junho, celebramos nosso primeiro aniversário. E temos muito a comemorar! Um projeto que nasceu de um curso, se tornou escola, formou uma comunidade e hoje conta com livraria e editora própria. Essa é uma síntese do que conquistamos ao longo desse ano. Em tão pouco tempo, a ideia lançada por um coletivo de filósofas para dar luz ao trabalho intelectual de tantas mulheres que merecem ser vistas e contribuir com a ocupação de mais espaços no país cresceu tanto que precisamos ampliar a nossa atuação.

Hoje, estamos organizadas a partir da Escola As Pensadoras, que busca oferecer formação feminista e estudo do pensamento de mulheres através de atividades virtuais conduzidas por professoras de todo o Brasil. Nossa proposta é por uma pedagogia feminista, cuja prática estabelece o diálogo interdisciplinar comunitário e promove a formação de pensamento emancipatório, abordando temas como gênero, violências contra mulher, ecofeminismo, feminismo negro e teologia feminista. Mais de 7 mil cursistas de 14 países participaram dos cursos, workshops, oficinas, fórum, bate-papos e oficinas promovidos pela Escola até o momento.

Um dos nossos objetivos é oportunizar que mais mulheres tenham acesso à formação intelectual. Por isso, desenvolvemos o projeto “As Pensadoras em Sororidade” para formar parcerias com entidades que intermedeiam a oferta de vagas e descontos nas atividades da Escola. Também buscamos ampliar o acesso aos cursos por meio de preços mais acessíveis (em torno de R$ 35 a R$ 250), sendo parte do valor das taxas de inscrição doado a projetos sociais feministas.

Com base na Escola, realizamos também as ações da Comunidade e da Editora As Pensadoras. A Comunidade corresponde ao nosso grupo de associadas, que se unem para formar um espaço plural, coletivo e interdisciplinar antipatriarcal e antirracista (Saiba como se associar no clicando aqui).

Já a Editora As Pensadoras é o nosso mais recente projeto, com lançamento do primeiro livro do catálogo no dia 16 de junho. Idealizada ainda em 2020, a editora surge com o objetivo de registrar o conhecimento construído na Escola, ampliar o espaço para publicações produzidas por mulheres e democratizar o acesso às produções. Também procura contribuir para o redimensionamento do papel social de agentes estratégicos, incluindo autores/as, leitores/as, editoras, distribuidoras e livrarias. Além disso, temos também uma livraria feminista, totalmente digital, com obras complementares ao conteúdo dos cursos e workshops.

“É muito especial olhar para trás e observar tudo que conseguimos construir em tão pouco tempo. E os relatos das alunas e o número cada vez maior de interessadas na nossa proposta demonstram que a nossa luta para a redução da desigualdade de gênero por meio da formação intelectual democrática de mulheres tem gerado um impacto positivo no mundo”, conta a coordenadora da Escola, Rita Machado.

Como tudo começou

Numa contraproposta a “Os Pensadores”, famosa coleção que reúne obras da história da filosofia assinadas apenas por homens, surgiu “As Pensadoras”. A nossa primeira atividade aconteceu em março de 2020, com a oferta de um curso virtual que levava o nome da Escola e tinha como objetivo estudar mulheres intelectuais. De forma surpreendente, o encontro contou com mais de 800 participantes. Com o sucesso tão rápido, o projeto se tornou em junho de 2020 uma Escola de formação, passando a propor também estudos sobre o pensamento de mulheres invisibilizadas e desconhecidas na história do pensamento humano.

Após um ano, a ideia vem se consolidando e As Pensadoras têm sido um espaço de fortalecimento, união, discussões, aprendizado e ensinamentos, construído diariamente com a contribuição de muitas mulheres da academia e fora dela.

Programação especial de aniversário

Para celebrar nosso primeiro ano, preparamos uma série de atividades especiais durante o mês de junho. A programação inclui o lançamento da editora As Pensadoras, um bate-papo com Rita Von Hunty, oficina e preparação para o II Fórum d’As Pensadoras. Confira:

 

16/06/2021 – Lançamento da Editora As Pensadoras

As comemorações têm início com o lançamento do primeiro livro do catálogo da Editora, o volume 1 da coleção “As Pensadoras”. A obra reúne nove textos sobre o pensamento de Hannah Arendt, Adriana Cavarero, Seyla Benhabib, Margaret Cavendish, Simone de Beauvoir, Angela Davis, María Lugones, Silvia Rivera Cusicanqui e Lélia Gonzalez. As informações sobre o livro e a editora podem ser conferidas no nosso site.

 

19/06/2021 – 16h – Live com Rita Von Hunty

Outra atividade muito aguardada é a live com Rita Von Hunty, que conversará com sua xará, a filósofa e coordenadora da Escola, Rita Machado. O bate-papo tem como pauta o feminismo e o trabalho de Rita Von Hunty, persona drag queen criada por Guilherme Terreri Lima Pereira que compartilha conhecimento sobre temas sociais e políticos por meio do humor e da arte em seu canal no YouTube, o “Tempero Drag”. A live com as Rita’s é aberta ao público, com transmissão pelo canal d’As Pensadoras no Youtube (https://www.youtube.com/c/EscolaAsPensadoras).

24 e 26 de junho e 1º de julho – Oficina “Uma dobra para elas”

A programação conta ainda com a oficina “Uma dobra para elas”, ministrada por Raíza Hanna nos dias 24 e 26 de junho e 1º de julho. A certificação de 12 horas.

Preparativos para o II Fórum d’As Pensadoras

Para completar o mês de celebrações, realizamos os preparativos para o II Fórum d’As Pensadoras, um importante espaço de diálogo e debate de temas relacionados às questões de gênero, raça, classe e seus desdobramentos. Neste ano, o evento acontece nos dias 28 e 29 de julho com o tema “Mulheres, ciência e pandemia”.